Início America América pedirá autorização à prefeitura de Contagem para retornar treinamentos no CT...

América pedirá autorização à prefeitura de Contagem para retornar treinamentos no CT Lanna Drumond

Coelho executará protocolo médico caso obtenha a autorização da prefeitura de Contagem

(Foto: Divulgação/América)

Arte/Sporte7

Terreno do CT Lanna Drumond pertence ao município de Contagem (Foto: Divulgação/América)

O América retornou às atividades remotamente na última segunda-feira após um período de férias por conta da pandemia do coronavírus. Agora, o clube trabalha com a possibilidade de voltar ao CT Lanna Drumond para dar sequência à preparação física que será necessária para a sequência da temporada.

Segundo o diretor de futebol do Coelho, Paulo Bracks, o clube precisa fazer uma solicitação à prefeitura de Contagem para retornar os treinamentos, já que o terreno do CT Lanna Drumond não pertence a Belo Horizonte. A cidade da Região Metropolitana não permite atividades esportivas por conta da COVID-19.

Você conhece o canal do Sporte7 no Youtube? Clique e se inscreva!

Siga o sporte7tvsiteoficialoficial também no Instagram

“Existe um decreto municipal que veda as atividades de academia, atividades de esportes, e a gente, evidentemente, tem que respeitar. Então, primeiro precisamos dessa autorização da prefeitura de Contagem, da mesma forma que fez o Atlético com Vespasiano, e depois, colocar em prática o nosso protocolo médico, que já está pronto”, disse o dirigente, em entrevista ao programa Donos da Bola, da TV Band.

Depois de conseguir a autorização, o segundo passo é seguir um protocolo criado pelo médico do clube, Cimar Eustáquio. De acordo com Bracks, a medida será um teste, já que não há precedentes para a situação vivida neste momento.

“O protocolo médico é capitaneado pelo Dr. Cimar (Eustáquio), que tem muita experiência no futebol e, principalmente, muito contato nacionalmente, estadualmente, para poder fazer um protocolo que vá tentar, porque ninguém tem ‘know how’ para isso. Nós vamos tentar, evidentemente, proteger atletas, funcionários, família de todos, e recomeçar o futebol depois dessa pandemia”, completou Paulo Bracks.

Desde a última segunda-feira o América retomou suas atividades de forma remota. A princípio, os trabalhos junto aos atletas devem ocorrer de cinco a seis vezes por semana. Na sexta-feira e no sábado, o elenco se reuniu em uma videoconferência para relembrar conceitos táticos, o que deve potencializar o desenvolvimento dos treinamentos futuros.

Apesar da ideia de retornar aos treinamentos, a temporada do futebol em Minas Gerais não tem data para voltar. A Federação Mineira de Futebol (FMF) já informou que não haverão jogos no mês de maio no estado. Além disso, a entidade trabalha, ao lado do governo estadual, em um protocolo de segurança para todos que trabalham no esporte.

Líder isolado do Campeonato Mineiro, com 21 pontos, o América é o único time já classificado para a próxima fase da competição. Tombense (20), Atlético (18), e Caldense, (17), completam o G4 do estadual. O Cruzeiro é o quinto colocado, com 14. Em meio à pandemia, alguns clubes do interior não conseguiram suportar as dificuldades financeiras e encerraram contratos de atletas antecipadamente, casos de Villa Nova, Patrocinense, URT e Caldense.

Siga a pagina do site sporte7oficial no facebook

Fonte: América e Superessportes